A SEMANA AGORA

Obras do Corredor Oeste do sistema BRT entram na fase final e Terminal Ipiranga passa por testes – Noticias

janeiro 6, 2024 | by asemanaagora.com.br

 

Fotos: Marcel Herrera e BRT Sorocaba

Por: Eduardo Santinon

 

Novo trecho ganhará 47 novos ônibus modernos e vai atender mais de 45 mil sorocabanos por dia.

 

As obras do Corredor Estrutural Oeste, terceiro e último trecho do sistema Bus Rapid Transit (BRT), estão avançadas e chegaram à etapa final, sendo que 84,7% do projeto já estão concluídos. As intervenções estão a cargo da empresa BRT Sorocaba, sob o gerenciamento da Urbes – Trânsito e Transportes, empresa pública ligada à Prefeitura de Sorocaba. Inclusive, nesta sexta-feira (5) ocorreram os testes de manobra e circulação com ônibus no novo Terminal Ipiranga, na Zona Oeste.

A previsão é que as todas as obras do novo corredor, iniciadas em abril de 2023, estejam finalizadas e com o sistema operando neste semestre deste ano, conforme previsto no cronograma de trabalhos. Os pontos de paradas em concreto rígido em todas nas ruas e avenidas estão finalizados, assim como os abrigos e calçadas.

No momento, resta finalizar o pavimento flexível das avenidas General Carneiro e Armando Pannunzio e das Ruas Dr. Américo Figueiredo e Benedito Ferreira Telles. Por último, será providenciada a instalação dos equipamentos de tecnologia de informação, como painéis, câmeras, rede de internet sem fio e catracas.

“Vale lembrar que todas as vias que englobam o novo Corredor Oeste do BRT também estão sendo totalmente recuperadas, sinalizadas e equipadas com iluminação pública em LED, representando uma grande melhoria para moradores e comerciantes da região”, lembra o prefeito Rodrigo Manga, que vistoriou as obras do novo Terminal Ipiranga, nesta sexta-feira, acompanhado do diretor-presidente da Urbes, Sergio Barreto; do diretor de relações institucionais da BRT Sorocaba, do Gustavo Barata; do ouvidor-geral do Município, Gustavo Barata, e do vereador Rodrigo Treviso.

As intervenções são executadas por trechos, por equipes em diferentes locais, consecutivamente, para impactar o mínimo possível o fluxo nas vias, além do dia a dia nos arredores. Ou seja, a cada etapa finalizada, uma nova frente de trabalho é aberta. “Dessa forma, cumprimos a totalidade das avenidas e minimizamos os impactos normalmente causados por uma obra”, completa Sergio Barreto.

No binário que abrange as Ruas Américo Figueiredo e Benedito F. Telles são nove pontos de parada e nove passeios públicos em concreto, com acessibilidade para deficientes. Na Avenida General Carneiro são mais 11 paradas e 11 passeios públicos também adaptados, além de 14 paradas na Avenida Dr. Armando Pannunzio e 14 passeios públicos acessíveis. Há, ainda, a Estação de Conexão Santa Cruz, que abrange uma parada, uma plataforma de conexão e dois passeios públicos.

 

Novos terminais e testes

As obras civis do Miniterminal Tatiana estão concluídas. A unidade está localizada no extremo da Zona Oeste, vai operar como Estação de Integração e é constituída por abrigo de conexão (destinado às linhas alimentadoras) e abrigo convencional em estrutura metálica, com área coberta, além da estação principal do BRT (executada em estrutura metálica sobre estrutura de concreto) e de um edifício que funcionará como casa de apoio aos motoristas.

Ao passo que a construção do Terminal Ipiranga está em fase de acabamento final. A cobertura metálica principal protege as duas plataformas de embarque e desembarque de passageiros, e parte do passeio público do parque. Também há um edifício de apoio, para abrigar áreas de uso público e operação do sistema, como bilheteria, setor administrativo, depósito, sala de motoristas e fiscais e vestiário de funcionários.

Os testes de manobra e circulação com ônibus foram feitos nesta sexta-feira (4) com quatro veículos, sendo dois articulados e dois com tecnologia Padron. Eles servem para análise do alinhamento dos carros na plataforma, altura do piso com a plataforma, tempos de parada e partida, locais de embarque e desembarque, além do raio de giro das manobras de operação no interior do terminal.

“Esses testes são importantes para os ajustes finais na programação das linhas, que serão totalmente reformuladas na região, tendo funcionamento semelhante aos já inaugurados terminais BRT do Vitória Régia e São Bento”, complementou Sergio Barreto.

 

Sistema BRT Sorocaba

O Corredor Estrutural Oeste do BRT possui uma extensão de 18,8 quilômetros, 35 pontos de paradas, todos já concluídos, e compreende as avenidas General Carneiro e Armando Pannunzio, com ligação pelas ruas Américo Figueiredo e Benedito Ferreira Teles, até o Terminal Ipiranga. O novo corredor concluirá o eixo Leste-Oeste da operação e, assim, completando todos os oito corredores estruturais do sistema BRT em Sorocaba.

“Entramos na fase de implantação total do projeto para o início dessa operação. Pretendemos ativar esse trecho o quanto antes, então, ainda que tenhamos equipes trabalhando vamos colocar os ônibus a serviço do passageiro já no começo de abril. Desde modo, a população terá acesso a esse corredor e acreditamos que isso irá atender mais 45 mil sorocabanos todos os dias. A Zona Oeste ganhará 47 novos ônibus modernos e equipados com Wi-Fi, tomadas USB, ar-condicionado e câmeras”, finaliza o diretor de relações institucionais da BRT Sorocaba.

 

RELATED POSTS

View all

view all