A SEMANA AGORA

Colônia de Férias da Habitação reúne crianças e adolescentes com brincadeiras e muita animação

janeiro 12, 2024 | by asemanaagora.com.br

A Prefeitura de João Pessoa, através da Secretaria de Habitação Social, reuniu, nesta quinta-feira (11), crianças e adolescentes do Residencial Vista do Verde Um e Dois, no bairro das Indústrias para uma manhã de brincadeiras e animação no primeiro dia das atividades da Colônia de Férias da Habitação 2024. Nesta sexta-feira (12), a atividade será realizada no Residencial Vista Alegre, em Colinas do Sul.

“Já faz algum tempo que nós promovemos a Colônia de Férias da Habitação com os moradores dos residenciais construídos pelo Programa Habitacional do Município, através do Programa Pós Ocupacional. Nós mobilizamos os moradores, em especial os jovens e as crianças e os adultos também, envolvendo as pessoas em atividades esportivas e recreativas dentro dos residenciais e também realizamos atividades externas. Começamos hoje pelo Residencial Vista do Verde e amanhã as brincadeiras vão ser no Residencial Vista Alegre, em Colinas do Sul. Durante todo o mês de janeiro estaremos proporcionando atividades de lazer para os moradores”, ressaltou a secretária de Habitação Social, Socorro Gadelha.

Socorro Gadelha explicou que para realizar a Colônia de Férias da Habitação, a Semhab trabalha em parceria com as Secretarias da Juventude Esporte e Lazer, Educação, Meio Ambiente e outros segmentos da administração municipal.

Socorro Gadelha acrescentou que foi elaborada uma programação com atividades até o final do mês de janeiro, com passeios de trem e visita ao Parque Solon de Lucena e a monumentos históricos, recreação no Parque Arruda Câmara (Bica), capoeira no Centro de Recreação da Juventude em Mangabeira e uma oficina de handebol no Ginásio Neuza Brandão, no conjunto dos Bancários, além de atividades de lazer nos residenciais.

Ela afirmou que o grande objetivo da gestão do prefeito Cícero Lucena é entregar uma moradia e com isso oferecer um futuro melhor para as famílias beneficiadas, proporcionando a eles uma qualidade de vida que eles não tinham, já que uma parte deles moravam antes em comunidades e ocupações. “O prefeito Cícero Lucena sempre tem dito que precisamos oferecer uma nova perspectiva de vida a essas pessoas e a Colônia de Férias representa exatamente isso, uma melhor qualidade de vida para essas famílias e um futuro melhor para as crianças e os adolescentes”.

O secretário executivo de Habitação, Beto Pirulito, lembrou que a Colônia de Férias da Habitação ocupa o tempo dos jovens que nessa época do ano ficam em casa sem ter o que fazer por causa do recesso escolar. “A colônia preenche o tempo e evita a ociosidade desses jovens e também é bom para os adultos, já que nas atividades externas muitas mães acompanham seus filhos e, também, participam das brincadeiras. A colônia serve para reforçar os vínculos familiares e aproximar as pessoas da comunidade’, comentou.

Tempo chuvoso – A chuva que caiu durante a manhã desta quinta-feira não atrapalhou as atividades da Colônia de Férias no Residencial Vista do Verde. A equipe técnica da Semhab usou o espaço da associação para a realização das brincadeiras, conforme explicou a assistente social Walquiria Menezes, adiantando que para os técnicos sociais e os educadores físicos nada pode atrapalhar a as brincadeiras, por isso eles se concentraram na associação e a chuva amenizou o clima diminuindo a temperatura e deixando um ambiente agradável para as brincadeiras.

A dona de casa Joseane Nunes Ferreira estava acompanhando a filha pequena e mais quatro sobrinhos que participaram das brincadeiras. Acompanhada pela mãe, dona Maria da Penha Nunes, ela disse que as crianças estão de férias e estavam dentro de casa por causa da chuva e por isso se envolveram nas brincadeiras, adiantando que hoje foi o primeiro dia e a intenção dela é levar a filha e os sobrinhos para as próximas atividades que forem promovidas pela Equipe Técnica e Social da Semhab. “Eu fico tranquila porque sei que as crianças estão em boas mãos”, declarou.

Hoje as brincadeiras foram restritas ao espaço da associação por causa da chuva, mas proporcionou momentos bem interessantes, como por exemplo uma partida de dama entre Armando de Oliveira Andrade de 10 anos e Kaique José Caetano de Souza de oito anos, que não tinha muita habilidade no jogo e levou um capote de sete a zero, perdendo sete partidas seguidas. Mesmo em desvantagem, ele disse que estava adorando participar das brincadeiras, pois estava fazendo novos amigos e não vai perder nenhuma atividade da colônia. Já o campeão Armando Oliveira, disse que o segredo para não perder o jogo é prestar a atenção na movimentação das peças do adversário no tabuleiro e depois eliminar uma a uma.

RELATED POSTS

View all

view all