A SEMANA AGORA

Cirurgiã Rosana Leite assume a Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande – CGNotícias

fevereiro 5, 2024 | by asemanaagora.com.br

A Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande passa a ser comandada pela médica Rosana Leite de Melo. Conforme o decreto nº 302, publicado em 1° de fevereiro de 2024, a nova titular da Sesau, que até então ocupava o cargo de secretária-adjunta, passa a responder como titular da pasta, assumindo o cargo nesta segunda-feira (5).

Rosana é reconhecida nacionalmente por suas ações na coordenação do Hospital Regional de Campo Grande e, em seguida, por assumir a Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19 (Secovid) durante a pandemia.

Natural de Campo Grande e filha de servidores públicos, a nova secretária é formada em Medicina pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Fez residência em cirurgia geral pelo Hospital Servidor Público Municipal (SP), e em cirurgia oncológica no Hospital AC. Camargo.

Ela possui título de especialista em Cirurgia de Cabeça e Pescoço pela Sociedade Brasileira de Cabeça e Pescoço. A médica ainda foi professora da faculdade de Medicina da UFMS e cirurgiã de Cabeça e Pescoço do Hospital Regional de Mato Grosso do Sul.

De 2016 a 2017, foi presidente do Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso do Sul. De 2017 a 2018, foi secretária-executiva da Comissão Nacional de Residência Médica no Ministério da Educação e de 2018 a 2019 atuou como diretora de Educação em Saúde do Ministério da Saúde.

Esteve à frente do Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, de 2019 a 2021. Diante da sua atuação no hospital que se tornou referência no tratamento da Covid em Mato Grosso do Sul, foi convidada a assumir o cargo de secretária extraordinária de enfrentamento à Covid-19 no Ministério da Saúde, em 2021.

Em dezembro de 2022, foi nomeada como secretária-adjunta da Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande (Sesau), cargo que ocupou até o presente momento.

Rosana Leite falou do desafio em responder pela Saúde do Município. “Sabemos dos desafios que esta pasta representa, e temos como princípio fazer uma gestão igualitária que sempre irá observar as necessidades da população, afinal de contas, é por ela que estamos assumindo essa função.”

RELATED POSTS

View all

view all