A SEMANA AGORA

Prefeitura inaugura primeira base móvel da Guarda Civil e aumenta sensação de segurança aos moradores do Lagoa – CGNotícias

fevereiro 5, 2024 | by asemanaagora.com.br

Moradores da região do Lagoa comemoraram a chegada da base móvel da Guarda Civil Metropolitana ao bairro Caiobá na manhã desta segunda-feira (05) e descreveram o sentimento de segurança. O programa “Guarda em Ação”, leva pela primeira vez, a base móvel as sete regiões e aos dois Distritos em Campo Grande.

“A palavra é segurança, eu me sinto seguro com a chegada da GCM no bairro, sabendo que ela não vai ficar somente aqui, mas em todo o entorno, na região, me deixa mais despreocupado, menos tenso. É um pedido antigo de um serviço muito necessário aqui na região e que chegou na hora certa”, descreve o morador Enéas Barbosa, também presidente do Instituto de Desenvolvimento Evangelho (ID), que desenvolve ações voltadas a juventude do bairro.

A primeira Base Móvel na região do Lagoa irá funcionar das 7h às 22h com rondas e atendendo aos anseios da população. Além disso, conta com os serviços de apoio da Patrulha Maria da Penha, Trânsito e Patrulha Ambiental.

“Nós estamos atendendo uma demanda antiga dos moradores da região e este tempo em que estivermos aqui, é para entender ainda mais as necessidades locais, para podermos pensar e resolver juntos. Não é uma forma de repressão, mas de prevenção, orientação e educação. A guarda, por exemplo, consegue oferecer ajuda a mulher que não consegue denunciar uma violência doméstica, com informações e acompanhamento por meio de equipe especializada após o registro e pedido de medida protetiva”, descreve a prefeita Adriane Lopes.

A base deve ficar em média por uma semana em cada local. Depois da região do Lagoa, a ação será direcionada ao Centro e Anhanduizinho. Conforme o secretário da Sesdes (Secretaria Especial de Segurança Pública e Defesa Social), Anderson Gonzaga, as regiões foram elencadas baseado na demanda da população.

“Nós estamos começando aqui no Lagoa porque é uma região de grande demanda na área da segurança, depois vamos para o Centro e seguimos conforme a necessidade da população. Assim, também foi feito a prestação de serviços. Aqui nosso apoio ao trânsito é muito necessário por conta de manobras perigosas, também a patrulha maria da penha e a parte ambiental da fiscalização de descarte irregular de lixo”, descreve Gonzaga.

Para o presidente da Associação de Moradores do Vila Fernanda, Carlos Alberto Romero, a ação é uma conquista para toda Campo Grande. “Nós já temos um trabalho muito bom junto à Guarda Municipal, sempre que pedimos, que ligamos, somos prontamente atendidos, mas com certeza, ter uma base aqui, com viaturas em ronda e um espaço para que a gente possa denunciar, tirar dúvidas, para onde correr, nos traz uma alegria e uma sensação de segurança tremenda”, completa.

Ao todo, 4 viaturas de 4 rodas e 6 motos farão o reforço no local. Também estarão presente a Ronda Ostensiva Municipal (Romu) e Grupamento Especializado de Motopatrulhamento (GEMOP) para trabalhos na segurança da região.

 

 

 

 

RELATED POSTS

View all

view all