A SEMANA AGORA

Prefeitura de João Pessoa investe em políticas públicas e muda vida de mulheres em vulnerabilidade social

março 4, 2024 | by asemanaagora.com.br

A Secretaria Extraordinária de Políticas Públicas para as Mulheres (SEPPM) de João Pessoa tem investido em ações de capacitação técnica para beneficiar vítimas da violência doméstica ou em vulnerabilidade social. São cursos de cuidadoras de idosos ou de estética e beleza, oportunidades que proporcionam a elas um meio de geração de renda, possibilitando libertar-se do ciclo da violência ao conseguir um trabalho e prover o sustento da família.  

Segundo a secretária da Mulher da Capital, Nena Martins, mais de três mil mulheres já foram assistidas pelo Município com essas iniciativas de qualificação profissional. “Estamos atentos durante todo o ano e acolhemos as mulheres no Centro de Referência da Mulher Ednalva Bezerra, que já tem 16 anos de existência, mas somente na atual gestão conseguimos dobrar o número de profissionais para atendimentos. Zeramos uma fila de mais de 100 mulheres. Todas estão sendo atendidas através dos nossos profissionais, como psicólogos, advogados e assistentes sociais e recebendo auxílio moradia, que é um direito previsto na legislação,” detalhou.  

M.P.M, de 52 anos, moradora da Comunidade Aratu, em Mangabeira, não poupou elogios a gestão por abraçar a causa feminina, abrindo um leque de oportunidades para as diferentes idades. “Essas ações mudaram a minha vida e hoje me tornei cuidadora de idosos e posso ajudar no sustento da minha casa”, disse com alegria.  

Ela revelou que se inscreveu no curso com a intenção de cuidar dos parentes quando as necessidades surgissem, porque achava que devido à idade avançada não conseguiria um emprego. Mas ao final da capacitação, com o certificado em mãos, viu a vida mudar.  

“Estou em plena atividade, ganhando meu dinheiro. Gratidão é só o que tenho a dizer. Por isso, só tenho a agradecer a prefeitura pela grande oportunidade que me foi dada, abrindo os meus caminhos e resgatando minha esperança. Agradeço por todas as mulheres da Comunidade Aratu que estão sendo assistidas pelos programas do Município”, acrescentou.  

Proteção – A Ronda Maria da Penha, trabalho realizado em parceria com a Guarda Civil Metropolitana, também foi citada pela secretária Nena Martins como outra ação resgatada pela gestão que vem ajudando muitas mulheres. “O serviço estava desativado e nós reinstalamos a ronda em 2021, garantindo o atendimento às mulheres de João Pessoa. Em parceria com a Guarda, realizamos visitas tranquilizadoras para mulheres que estão com medidas protetivas”, frisou.  

Uma das mulheres assistidas pela Ronda Maria da Penha é G. L. de 35 anos. Ela enaltece o apoio que tem recebido da Prefeitura para seguir a vida com mais segurança. “Aqui eu recebo assistência psicológica e jurídica, além de acompanhamento constante das minhas atividades”, destacou.  

A partir do acolhimento que tem recebido do Município, desde 2023, ela disse que conseguiu estudar e ingressar na universidade. “Isso tudo graças ao empenho da equipe da secretaria e da Ronda, que estão sempre a postos, fazendo rondas constantes próximo a minha residência, me acompanhando e, realmente, me sinto muito acolhida pelo projeto. A atual gestão está de parabéns pela manutenção de programas que fazem a diferença na vida de uma mulher”, afirmou.  

Serviço – A Secretaria Extraordinária de Políticas Públicas para as Mulheres funciona no Paço Municipal, no Centro. Para informações sobre os serviços disponíveis, os telefones são: 3213-7352 (gabinete), 3213-7351 (recepção) ou 98654-6332 (institucional). O atendimento funciona de  segunda a sexta-feira.  

Já o Centro de Referência de Atendimento à Mulher Ednalva Bezerra está localizado na Rua Afonso Campos, nº 111, Centro. O atendimento presencial é de segunda a sexta-feira. Nos finais de semana, o plantão é mantido pelo telefone 0800 283 3883.  

A Ronda Maria da Penha funciona todos os dias, inclusive nos feriados, 24h, e atende pelo número 3213-7355.  

RELATED POSTS

View all

view all