A SEMANA AGORA

Curso de Higiene e Manipulação de Alimentos aprimora conhecimento de profissionais das unidades da SAS – CGNotícias

March 5, 2024 | by asemanaagora.com.br

Tão importante quanto seguir as normas para garantir a higiene do ambiente durante o preparo das refeições é também oferecer uma alimentação de qualidade aos usuários das unidades da Rede de Assistência Social. Com esse propósito, 22 merendeiras de 42 unidades participam, até esta terça-feira (05) do primeiro curso de Higiene e Manipulação de Alimentos, oferecido pela Prefeitura de Campo Grande por meio da SAS e que acontece na Escola do Suas, no bairro Itanhangá Park.

De acordo com a superintendente de Gestão do Suas, Marcilene Rodrigues, o curso é exigido a cada dois anos pela Vigilância Sanitária do município e tem o intuito de atualizar os profissionais sobre novas regras e a Lei nº 3.643, de 01 de setembro de 1999, que estabelece o curso. As aulas são ministradas pela nutricionista da SAS, Milcah Ayala Gamarra Oliveira, especialista em Saúde Clínica e tem Residência Multiprofissional com Ênfase na Atenção à Saúde Indígena.

O conteúdo do curso abrange noções gerais sobre os alimentos, micro-organismos, suas ações sobre os alimentos e agravos à saúde, noções sobre parasitologia e transmissão de doenças pelos alimentos, descarte adequado de resíduos, saúde dos trabalhadores e a importância da carteira sanitária, além de controle e prevenção de pragas e vetores e análise laboratorial e outros assuntos pertinentes à profissão.

“Esse é o primeiro curso do ano e está atendendo exclusivamente os manipuladores das unidades da SAS, mas no próximo mês vamos estender a formação aos servidores da OSCs que atendem a população através de parcerias público/privado e demais profissionais que serão selecionados no processo seletivo em andamento”, afirmou Marcilene Rodrigues.

Eloísa Helena de Souza Macedo Gonçalves, que já trabalhou durante sete anos como merendeira, considera fundamental participar do curso como forma de atualização de conhecimentos. “E importante para a gente que manipula alimentos e trabalha com cozinha não fazer as coisas erradas para não prejudicar outras pessoas que vão receber esse alimento que sai das nossas mãos, né. Agora estou trabalhando na SAS, como instrutora de culinária, então minha responsabilidade é maior”, disse.

A nutricionista Milcah acredita que a reciclagem de aprendizado oferece um ganho fundamental na qualidade dos alimentos que são servidos aos usuários pela possibilidade de troca de informações e de esclarecimento de dúvidas, o que é muito importante para os servidores que às vezes trabalham sozinhos na cozinha”, pontuou.

Veterano na área de alimentação, Firmino Rui Dias de Oliveira, atua na profissão há 28 anos e acredita que cada curso é uma oportunidade de atualização. “Eu amo o trabalho que eu faço, meu trabalho é junto com a comunidade, eu já fiz vários cursos e estou amando este porque é um novo aprendizado. Cada um traz uma coisa nova, muito diferente. Toda pessoa que cozinha faz uma alquimia e essa alquimia faz a pessoa feliz. Eu tenho esse pensamento para minha vida, para o meu trabalho. Tenho alunos que me encontram, que vivem do que eu ensinei e por isso me sinto orgulhoso de ser funcionário público”.

RELATED POSTS

View all

view all